Créditos de Carbono de Alta Integridade

Nesse ano, os primeiros créditos de carbono que seguem Princípios Fundamentais de Carbono (CCPs) do Conselho de Integridade para o Mercado Voluntário de Carbono (ICVM), foram anunciados.

Este reconhecimento permite que cerca de 27 milhões de créditos de carbono sejam rotulados como de alta integridade.

Provenientes de projetos que capturam metano de aterros sanitários e destroem substâncias que destroem a camada de ozônio (SDO).

Metodologias Aprovadas para os créditos de carbono

As metodologias aprovadas incluem:

  • Destruição de SDO:
    • ACR versão 1.0
    • CAR Artigo 5 versões 1-2
    • CAR EUA versões 1-2
  • Gás de Aterro Sanitário (LFG):
    • ACM0001 versões 15-19 (Verra e Gold Standard)
    • AMS iii G versão 10 (Verra e Gold Standard)
    • ACR versões 1-2
    • CAR EUA versão 6

Essas metodologias cobrem projetos que capturam metano e destroem gases refrigerantes.

Ambos com impacto significativo na redução de gases de efeito estufa.

Saiba mais: The Ultimate Guide to Understanding Carbon Credits

Processo de Avaliação dos créditos de carbono

O ICVCM segue um processo rigoroso de “dois ticks”, onde:

  1. O programa de crédito deve ser aprovado como “Elegível para CCP”.
  2. As metodologias utilizadas pelos projetos devem ser “Aprovadas pelo CCP”.

Os créditos aprovados são verificados para garantir:

  • Permanência
  • Medição robusta e conservadora
  • Verificação independente
  • Adicionalidade (reduções/remissões que não teriam ocorrido sem a venda dos créditos)
  • Apoio à transição para emissões líquidas zero

O anúncio foi bem recebido por líderes climáticos e políticos, como o governo dos EUA.

O trabalho do ICVCM é complementar ao da Iniciativa de Integridade dos Mercados de Carbono Voluntários (VCMI).

Que visa garantir que as empresas utilizem créditos de forma responsável.

Saiba mais: Projetos de REDD+ no Amazonas podem gerar R$ 8 bi em créditos de carbono

Créditos de carbono no Brasil

Com a continuação das avaliações e a inclusão de mais metodologias e programas.

O mercado poderá oferecer soluções mais confiáveis e eficazes para a mitigação das mudanças climáticas.

Atraindo financiamento privado significativo para projetos de alta qualidade.

Projetos como o Mejuruá, da BR ARBO, se beneficiaram com uma classificação dessas.

O que aumentaria o capital arrecadado para conservação da Amazônia.

Saiba mais: First High-Integrity CCP-Labelled Carbon Credits Announced

Por Ana Carolina Ávila

Olá!